Parabéns ao PAN

Por Jorge Ribeiro

O PAN – Pessoas-Animais-Natureza comemora hoje o seu 5.º aniversário.

Apesar de a Associação Vida Animal ser uma associação absolutamente independente relativamente a todos os partidos políticos, não posso deixar de congratular a população de Portugal por ter acarinhado um partido político que tem como uma das suas prioridades a defesa dos direitos dos animais.

Como é sabido, estive desde o início ligado ao PAN e tive a honra de ocupar diversos cargos na sua estrutura (incluindo pertencer à primeira Direção Nacional do partido). Testemunhei várias mudanças, de pessoas e de estratégia, mas apraz-me realçar que os principais valores que estiveram na origem da formação deste partido continuam hoje bem presentes.

Foi um longo e duro caminho o de fazer crescer este projeto. Mas é hoje um projeto adulto e perfeitamente integrado na sociedade portuguesa.

O trabalho e a dedicação diária de todas as pessoas que colaboram com o PAN tem contribuído para melhorar o bem-estar dos animais de Portugal.

Em 2015 as portuguesas e portugueses deram um evidente sinal da sua preocupação com o bem-estar dos animais ao votarem massivamente no PAN, o que permitiu a eleição de um deputado à Assembleia da República.

Ao longo destes 5 anos, o crescimento do PAN tem contribuído para que as restantes forças políticas incluam nos seus programas eleitorais cada vez mais medidas de proteção dos animais.

Espero que todos os partidos políticos se concentrem cada vez mais em defender os direitos dos animais não humanos e em garantir que estes possam viver vidas felizes e livres de sofrimento.

Parabéns PAN e continuação de bom trabalho!

 

PAN

Uma resposta até agora.

  1. Hosting diz:

    Na tomada de posicao do PAN lamento profundamente que nao tenha sido dada uma palavra de agradecimento aos milhares de bombeiros portugueses que de forma voluntaria colocaram em risco as suas vidas em prol da defesa da vida e dos bens dos seus concidadaos, bem como uma palavra para as familias das pessoas que faleceram, da mesma forma que nada foi dito em relacao as pessoas que perderam tudo o que tinham, incluindo a sua habitacao, em consequencia destes dramaticos incendios. A politica tambem e feita de solidariedade, humanismo e afectos. E neste comunicado em momento algum encontro uma linha na defesa destes valores tao raros mas tao importantes numa sociedade.

Comenta este artigo