16 candidaturas – 14 partidos e duas coligações – concorrem às Eleições Europeias de 25 de Maio de 2014 em Portugal. Conscientes da crescente importância das políticas da União Europeia no quotidiano de todos os cidadãos, consideramos essencial questionar todos os candidatos sobre as suas posições relativamente a alguns temas relacionados com a protecção aos animais que se enquadrem ou possam vir a enquadrar no âmbito de acção dos deputados do Parlamento Europeu.

Assim, a Vida Animal fez chegar a todos os cabeças-de lista quatro questões de resposta sim/não, todas partindo da mesma hipótese:

Se for eleito, proporá ou votará a favor…

1. Da iniciativa Stop Vivisection, que pede a substituição da Directiva 2010/63/EU por um documento que limite categoricamente o uso de animais em experiências e indique o rumo da erradicação total dessa prática na UE?

2. Da eliminação das subvenções europeias destinadas às touradas?

3. De medidas que atribuam competências à UE para estabelecer padrões de bem-estar dos animais de companhia nos Estados-Membros?

4. Da proibição da mutilação de animais na agropecuária, tais como o corte do bico das galinhas, a castração de leitões ou o corte dos cornos de bovinos, que são práticas comuns na UE e habitualmente realizadas sem anestesia?

5. Da inclusão de informação clara nos rótulos dos produtos alimentares sobre a origem animal ou vegetal dos seus ingredientes?

Enviámos ainda uma questão adicional, na qual convidámos todos os candidatos (não apenas os cabeças-de-lista) a falar-nos de como descrevem a sua relação com os animais e de que forma estes fazem parte da sua vida.

Consulte aqui as respostas recebidas (por ordem de chegada):
Orlando Figueiredo, PAN
António Marinho e Pinto e José Inácio Faria, MPT
Marisa Matias, BE
João Ferreira, CDU

Caberá agora a todos aqueles que se preocupam com os direitos dos animais acompanhar o trabalho de todos os eleitos, de forma a garantir o cumprimento dos compromissos aqui assumidos.

europa2014galinhasite

europa2014tourosite

Filters: